#2016em4palavras

2016em4palavras

2016 foi um ano frenético em chamadas de acção global e gritos de urgência para o despertar da Consciência Individual de cada um.

Sim, esta chamada já se iniciou faz muito. Mas tenho para mim que 2016 representou um pico de actividade no movimento de despertar colectivo, para o poder da acção individual. Um poder para fazer a diferença na nossa esfera de influência, nos nossos muitos sistemas, nos quais geramos sempre impacto, através do modo como nos apresentamos, relacionamos e agimos em coordenação com os outros.

A este movimento pessoal e único que estamos a ser convidados a realizar chamo ‘ocupar o nosso lugar-dinâmico no mundo’.

O nosso lugar dinâmico no mundo é o ponto inicial de acção individual que reune tudo aquilo que somos, a nossa multi-dimensionalidade ao serviço do mundo. O que amamos, o que pensamos e o que fazemos a partir da nossa mais profunda humanidade.

Sinto que em resposta aos desafios que se amontoam surgem, cada vez mais, novos impulsos de acção individual transformadora. São impulsos que nascem de sonhos de mudança e que cada vez mais encontram eco em tantos outros sonhos pessoais.

Assim quero terminar este ano celebrando este movimento de despertar, ancestralmente antecipado, que progressivamente une milhões de pessoas em todo o mundo, empenhadas em criar um melhor futuro colectivo.

“Quando o rio e o ar estiverem sujos, quando o ser humano houver se perdido completamente da linha da vida, quando os animais estiverem ameaçados, as ancestrais árvores cruelmente abatidas, quando a doença e a tristeza estiverem dizimando o povo vermelho, virá uma nova nação, uma nova tribo.

Serão em grande número, surgirão de onde não se espera. Virão em muitas montarias, sua magia diferente, terão artes que desafiarão a compreensão. Serão de muitas cores, por isto essa Tribo será conhecida como Tribo do Arco-Íris, eles virão quando o fim parecer certo, eles virão e curarão a Terra.”

Profecia do Arco-Íris

Nas minhas tribos encontro milhares destes Seres, cujas cores celebro – praticantes de diferentes comunidades internacionais espalhados por todo o mundo – Art of Hosting, Teoria U, Dragon Dreaming, e demais movimentos colectivos que promovem diálogo, pensamento e acção participativos.

Nos últimos anos testemunho o crescimento, dia-a-dia, do número de praticantes nestas comunidades de praticantes. Em 2012, quando iniciei o meu percurso, era raro ou ausente ouvir falar destas tribos em Portugal. Hoje temos várias sementes plantadas e ao seu ritmo próprio crescem e dão frutos.

As minhas 4 palavras para 2016 são:

Chamada ao Poder Individual

Para 2017 desejo a todos coragem, autenticidade e inspiração para exercer poder pessoal de modo positivo.

#2016em4Palavras – Quais são a tuas 4 palavras?

 

everything-2everything-1

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s