Facilitação de Equipas

Soluções que adicionam a energia do significado pessoal na acção colectiva.

NRC sobre Autenticidade e Colaboração

A aplicação bem sucedida de metodologias de colaboração depende da habilidade na facilitação de relações humanas, criação de proximidade e abertura.

Oriente os processos de análise, decisão e acção de transformação para o que é realmente importante – envolver os participantes da situação-desafio no processo generativo de soluções.

O ponto inicial para realizar uma acção de facilitação ICOGN será a determinação em querer realizar decisões e acções que melhorem os resultados colectivos, mantendo atenção ao bem estar das pessoas e à qualidade das relações.

Os modelos e ferramentas aplicados foram criados e testados para abordar a natureza complexa dos desafios actuais – interconectividade, não-lineariedade, incerteza, emergência.   E a sua prática permite ganhar capacidade para  melhor lidar com diversidade e diferença no dia-a-dia de uma organização humana.

O objectivo no desenho e facilitação destas acções é aceder à inteligência colectiva para criar soluções que respondem aos desafios do grupo ou organização.

Por que motivo necessito dos serviços de facilitação de equipas?

  • tenho equipas desmotivadas e com falta de coesão.
  • existe a presença de conflito e tensão nas relações intra e inter-equipas
  • há dificuldade na implementação de medidas de promoção da diversidade.
  • verifica-se a repetição de resultados insuficientes, mesmo na presença de competência e expertise.
  • detecto resistência à mudança de hábitos e comportamentos que boicotam a performance colectiva e a concretização dos resultados ambicionados.
  • não estamos a conseguir inovar de modo verdadeiramente disruptivo.

Enquanto coach e facilitadora de métodos de diálogo e acção participativo ajudo a criar equipas mais coesas e capazes de dar resposta a desafios críticos.


Equipas de pessoas comprometidas com os objectivos comuns são equipas onde as pessoas sentem-se apreciadas.


Promova expressão autêntica, acção e responsabilidade individual, e crie as condições essenciais à emergência do fenómeno de inteligência colectiva.

Os programas são desenhados à medida procurando equilibrar a necessidade de criação de soluções de aplicação imediata e os benefícios em desenvolver a capacidade de aprender colectivamente.

Uma excelente oportunidade para introduzir métodos e práticas de colaboração que beneficiam da diversidade.

À medida que a consciência de grupo e noção de pertença aumenta as equipas tornam-se cada vez mais hábeis a gerir as suas próprias dinâmicas, capazes de partilhar responsabilidade enquanto co-criadores de uma realidade partilhada.

Em que consiste o processo?

  1. Preparação – Identificar o que impulsiona o pedido.
    Reunir informação que permita ter uma visão sobre a realidade dos desafios e objectivos. Esta etapa é realizada através de entrevistas, individuais ou em grupo, e através de uma ‘lente apreciativa’ sobre o que funciona, para alcançar o que não funciona.
  2. Desenho – Crio uma proposta de jornada de aprendizagem que contém 3 etapas essenciais: divergência, emergência e convergência de ideias e intenção de acção face ao desafio em questão. Este desenho é validado com o cliente, explicando detalhadamente as escolhas de actividades, para cada uma das etapas.
  3. Facilitação – Um programa consiste de 3 ou mais sessões de trabalho em grupo. Para arranque de qualquer programa realizo uma primeira sessão para apresentar o contexto da iniciativa, identificar questões para guiar o processo de facilitação e alinhar princípios de participação e colaboração que orientem as acções subsequentes.
    Dependendo na natureza e complexidade dos desafios poderá ser necessário a realização de sessões de coaching individual com alguns dos participantes.

É preciso divergir para poder convergir.


Quais os resultados?

  • Obter propostas de solução acionáveis e desenhadas de modo inclusivo e participativo ( enfoque na aplicação imediata).
  • Aceder à inteligência de grupo e desenvolver esta capacidade de aprendizagem organizacional.
  • Gerar acção coesa, com menos desvios e atrasos na execução.
  • Elevar níveis de consciência sobre a complexidade das relações interdependentes que caracterizam os sistemas organizacionais humanos.
  • Desenvolver visão e pensamento sistémico que eliminam hábitos de pensamento em silo, e aumentam a consciência do impacto da acção individual.
  • Conferir maior agilidade e qualidade à comunicação nas equipas e entre equipas.
  • Capacitar para promover e beneficiar da diversidade, saber lidar com conflito e transformar tensão emocional em tensão criativa.
  • Desenvolver competência pessoais para saber lidar com incerteza, ambiguidade e vulnerabilidade .

Experimente o poder de 1 Sessão Liberadora ICOGN

Gostaria de realizar a próxima reunião de kick-off de projecto através de métodos de diálogo e acção participativos?

Talvez queira anunciar resultados de modo a convidar a reflexão conjunta? 

Ou então tem simplesmente a percepção que algo está bloqueado no modo de funcionamento em grupo?

Sejam estes ou outros motivos 1 Sessão Liberadora ICOGN ajuda a desbloquear energia criativa e irá certamente impulsionar acção inovadora.

Grupos de 8 a 20 pessoas – duração até 8 horas: 150 euros por participante. (não considera necessidades de deslocação e logística )

Contacte-me para saber mais sobre como pode beneficiar da facilitação ICOGN:

Facilitação ICOGN
Acções ICOGN
Anúncios